segunda-feira, 11 de março de 2013

Tapa na cara: aumento do IPTU negociado com o PT

Imagem veiculada no Facebook


O carnê do IPTU exposto acima é um exemplo real e proporcional de aumento e da revolta da população de Marília após a eleição de Vinícius Camarinha. Nem bem se assentou na cadeira de prefeito - ainda que por liminar - e choveram protestos.

Curioso é que o projeto de aumento foi apresentado e aprovado no final da gestão do ex-prefeito, o petista Ticiano Toffoli ,sob claras evidências de um grande acordo político. Ticiano queima sua imagem apresentando um projeto de lei que aumenta impostos e, em troca, recebe vantagens do prefeito beneficiário de uma milionária arrecadação municipal. Difícil é saber quais e que tamanho foram os benefícios da contra-partida. Os vereadores Donizete, Herval, Capacete, Custódio, Cesar ML, Gimenes, Yoshio e Pedro do Gás votaram a favor.

Os protestos abertos ou silenciosos existem e são muitos. Em frente a prefeitura populares se mobilizam apresentando seus carnês de 2012 e 2013 argumentando que o valor venal amentou sem se justificar algum aumento na metragem da residência. A Matra, Marília Transparente, se colocou contra os aumentos que considera abusivos sem um debate com a população ou estudos mais profundos dos critérios para os aumentos.