sexta-feira, 10 de outubro de 2014

O caráter de um homem. Ou a falta de caráter de um homem.


Este vídeo tem dois minutos e meio. Vale a pena assistir. Você verá Luis Inácio, um ex-presidente brasileiro, se mostrando como é: mentiroso, falso, prepotente e bobalhão. Conta sobre suas mentiras, com orgulho. No final, Chico de Oliveira, um dos fundadores do PT, diz claramente que Lula não tem caráter.

Durante seu período como sindicalista ele era abastecido com frases de efeito pinceladas de publicações da esquerda. E Lula passou a ser visto como um ideólogo. Depois de eleito os "intelectuais" se afastaram ou foram afastados - afinal já estava eleito - e os discursos de Lula, por ele mesmo e seus improvisos, foram enxurradas do melhor besteirol. O verdadeiro presidente panaca.

Um dia, em Lins, perguntei-lhe se tinha lido Karl Marx. Ele respondeu que não. Pensei que a resposta era precaução, para evitar encrencas com os militares que estavam no poder. Depois soube, por ele mesmo, que nunca leu nada, um livro sequer. Luis Inácio aqui se confessa - achando graça - que é um indigente intelectual, mentiroso, populista, analfabeto e falso líder... seguido por um amontado de imbecis. Sua tática comum é repetir uma mentira exaustivamente para que se transforme na sua verdade. Assim tem sido com mensalão, petrolão, rosemary ...


O preguiçoso e o patife: a repetição da mentira antes e depois