quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

A guerra que Napoleão venceu e ninguém lembra

Por Edson Joel

O que Napoleão Bonaparte tem a ver com o leite condensado, extrato de tomate, sopas, sardinhas e outros alimentos conservados em latas ou vidros?

Tudo. Tudo mesmo.
Foi Napoleão Bonaparte, o imperador dos franceses entre 1805 e 1815, que lançou um grande desafio: como sustentar centenas de milhares de soldados em constantes deslocamentos em períodos de guerra? O detalhe é que Napoleão vivia guerreando o tempo todo e precisava descobrir uma fórmula de alimentar suas tropas rápida e eficientemente.

Foi então que Nicolas Appert, em 1809, apresentou a Napoleão uma sopa engarrafada e ganhou 12 mil francos de prêmio pela descoberta que revolucionou o planeta: a conservação de alimentos. Appert fez uma sopa consistente e colocou dentro de garrafas de champagne - grandes, grossas e comuns na época  -  lacrou com rolhas de cortiça e ferveu em banho maria. O processo de fervura eliminou germes e bactérias facilitando a conservação do alimento. A sopa engarrafada resolveu o problema de Bonaparte e o front de batalha sempre tinha alimento disponível e com fartura. Nicolas Appert contou seu segredo num livro publicado anos depois. A França, naquela época, ainda não dominava a tecnologia das latas. 

O criador do processo achava que o segredo estava no fechamento da garrafa mas Louis Pasteur, por volta de 1846, mostrou que a conservação dos alimentos ocorria pela eliminação dos microorganismos através da fervura. Foi  Anton van Leeuwenhoek que primeiro descobriu a existência dos organismos microscópicos.

Os vasilhames de vidro foram substituídos por latas de ferro estanhado na Inglaterra que já dominava essa tecnologia. A patente foi vendida por Peter Durand que registrou o processo em 1810. Curioso observar que o abridor de latas só surgiu em 1815. Até então as latas eram abertas com talhadeiras e martelos.
Industrial e inventor Nicolas Appert
Vários inventos ou produtos tem origem bélica, isto é, descobertos ou criados como esforço para vencer guerras. Entre eles o "inocente" e delicioso leite condensado patenteado por Gail Borden em 1856 e utilizado pelas tropas do norte na guerra civil americana ocorrida entre 1861 a 1865. Terminada a guerra os soldados, ao retornarem, falaram do leite maravilhoso que explodiu em vendas em todo mundo.

Pois é, Napoleão venceu sua maior batalha. A batalha contra os micro-organismos e seu grande soldado foi Appert. 

PS: Nicolas Appert, industrial e inventor francês nasceu em  nasceu em Châlons-en-Champagne, na França em 17 de novembro de 1749 e morreu em 1 de junho de 1841. Consta que sua sopa começou a ser comercializada em 1795.

Seu livro A arte de conservar alimentos de origem animal e vegetal foi publicado em três edições e vendeu 6 mil exemplares.
Primeiras latas de ferro estanhadas e fábrica de conservas na Inglaterra