quarta-feira, 5 de fevereiro de 2014

Pizzolato deve ser extraditado para o Brasil: prisão foi em Maranello

Pizzolato é preso na Itália


O ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil Henrique Pizzolato
Ana Branco/14-22008 / Agência O Globo
O ex-diretor de marketing do Banco do Brasil, Henrique Pizzolato, foi preso na Itália segundo informações da Polícia Federal. Pizzolato, de 61 anos, foi condenado no processo do mensalão mas fugiu quando o STF começou expedir os mandatos de prisão. Ele foi detido em Maranello, usando documentos falsos, na casa de um sobrinho. Segundo a PF, a prisão do mensaleiro condenado aconteceu em parceria com a polícia da Itália.

Pizzolato foi condenado a 12 anos e sete meses de prisão envolvido nos crimes de corrupção do PT no processo do mensalão.  Autoridades brasileiras vão iniciar o processo de extradição.