quinta-feira, 27 de junho de 2013

Crescimento do PIB será menor que o prevista, diz o próprio governo federal


O governo de Dilma Rousseff acaba de comunicar que a previsão de crescimento do Produto Interno Bruto do Brasil para 2013 foi reduzido de 3,1% para 2,7% por conta da queda da atividade industrial, do comércio e serviços. Somente o agro-negócio teve previsão alterada para cima, de 6% para 8,4%.

A inflação também teve a previsão aumentada para 6%.

Mantega anunciou que as alíquotas do IPI de móveis e linha branca subirão em julho. Móveis e laminados vão para 3% e lustres/luminárias para 10%. Na linha branca o IPI do fogão vai para 3%, máquina de lavar 10%, tanquinho 4,5% e geladeira, 8,5%.

As manifestações continuam em todo país exigindo combate a corrupção e inflação e melhoria dos serviços públicos. Para desviar o fogo dos protestos, Dilma Rousseff tenta instalar um plebiscito. Os protestantes já anunciaram manifestações contra essa decisão.