segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Número de mortos na tragédia de Santa Maria subiu para 236


Sobe o número de mortos

O número de mortos na tragédia de Santa Maria, RS, subiu para 236. Registra-se que existem mais de 40 feridos em estado gravíssimo mantidos em aparelhos de respiração artificial internados em vários hospitais. Para um dos sócios da boate Kiss, a morte dos jovens foi uma fatalidade. 

O plano de combate a incêndio, da boate, estava vencido desde setembro. Segundo o comandante do Corpo de Bombeiros, Cel Guido Pedroso de Melo, "tinha vencido o alvará deles, mas eles tinham toda a parte preventiva instalada no prédio" e acrescentou que a renovação do documento estava em tramitação. Por essa declaração, o próprio coronel isentou a boate de responsabilidade, exceto pela lotação, acima do limite,e o uso de efeitos pirotécnicos alegados por ele.

Os efeitos pirotécnicos indoor, diferentes de fogos de artifício, são produtos que não emitem fumaça ou faíscas que provoquem incêndio ou danos as pessoas. Se o incêndio na boate começou após algum efeito desse tipo, certamente não era tipo indoor.

A sucessão de erros somadas provocaram a tragédia. Não foi fatalidade. Existem responsáveis que devem responder por isso,