quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

PT organiza "vaquinha" para ajudar corruptos condenados

Se alguma coisa não se questiona no Partido dos Trabalhadores é o "espírito se solidariedade" dos seus militantes com as constantes ilicitudes e crimes praticados pelas suas lideranças e a marginalização dos que se prestaram aos serviços sujos . É o caso dos jovens do PT de Brasilia que promovem jantares para arrecadar fundos para pagamento das multas aplicadas pelo STF aos corruptos do partido, o guerrilheiro de araque Zé Dirceu e dos seus amigos "injustiçados" José Genoíno, Delúbio Soares e João Paulo Cunha, todos sentenciados pela mais alta corte do país diante de uma montanha de provas. Marcos Valério e seu grupo foram abandonados por aqueles a quem serviu.


Os valores para a adesão vão de R$ 100 a R$ 1000. As multas passam de R$ 1,8 milhão. Esses eventos servirão para justificar o surgimento desse valor que, certamente, virá de maneira mais fácil de outra fontes que não os jantares. 

Resta perguntar se, no caso da amante Rosemary Noronha, a juventude petista vai se solidarizar-se com a petequeira e contribuir para sua defesa? Afinal, solidariedade por solidariedade, ninguém foi mais solidária do que ela. He, he, he!


O PT esqueceu de Rosemary Noronha:
a petequeira merece solidariedade também.