segunda-feira, 15 de abril de 2013

Assassino de seis taxistas confessa que matou para roubar


Luan Barcelos da Silva matou seis

Luan Barcelos da Silva, de 21 anos que confessou a morte de seis taxistas no Rio Grande do Sul "para roubar porque estava precisando de dinheiro para pagar o aluguel".

Em Porto Alegre admitiu que precisava de R$ 1.250,00. Com os três crimes na Fronteira, Luan conseguiu R$ 470. Em Porto Alegre o assalto rendeu mais R$ 400. Ele foi preso em Porto Alegre no sábado. As execuções dos três taxistas em Santana do Livramento ocorreram na madrugada do dia 28 de março. Os outros crimes ocorreram na capital.

Câmeras de vigilância identificaram o criminoso nas áreas de todos os crimes. As roupas que usava nos assaltos foram encontradas em sua casa manchadas de sangue. Celulares das vítimas estavam com ele. Ele tinha trabalhado como motoboy e corretor de imóveis e chegou a trabalhar como instrutor de informática para crianças.