sábado, 16 de março de 2013

Segurança não resiste e morre no HC

Sebastião, a esquerda da foto, esperando socorro. 
A direita, assaltante ferido e preso.
Sebastião Rodrigues Mourão, segurança da Eduardo Jóias que recebeu um tiro na cabeça durante assalto na cidade, morreu no HC após duas paradas respiratórias. Sebastião tinha 50 anos; A família doou as córneas. Agente penitenciário, Mourão trabalhava também como segurança para algumas lojas da região. 

O assaltante armado saiu da joalheria e deparou-se com o segurança Sebastião que sacou uma arma calibre 380 e atirou. O assaltante atingiu a cabeça do segurança e ambos caíram na calçada onde ficaram esperando socorro. 

Jonathan Camargo, o assaltante ferido foi preso por policiais e levado para o HC e o  segurança ferido permaneceu no local por cerca de 15 minutos até a chegada da unidade do Samu. 

Júlio César Almeida e Roger Cardoso, os outros bandidos logo depois.