quinta-feira, 14 de março de 2013

Polícia prende assaltantes: segurança ferido na cabeça está em estado gravíssimo


Imagem postada no Facebook sem crédito

Sebastião Rodrigues Moura, de 49 anos, agente penitenciário e segurança na joalheria Eduardo Jóias, na rua 4 de Abril, foi baleado na cabeça em troca de tiros com assaltantes. Um deles também foi ferido levemente. O assalto foi anunciado por um dos assaltantes com uma arma calibre 38 apontada na cabeça do funcionário. Depois de encher um saco com jóias e pertences de funcionários, o assaltante armado saiu e deparou-se com o segurança Sebastião que sacou uma arma calibre 380 e atirou. O assaltante atingiu a cabeça do segurança e ambos caíram. 

Jonathan Camargo, o assaltante ferido foi preso por policiais e levado para o HC na própria viatura por considerarem a possibilidade de linchamento diante da revolta de populares. O segurança ferido permaneceu no local por cerca de 15 minutos até a chegada da unidade do Samu. Sua esposa, que chegou ao local naquele momento foi socorrida também.

O estado de Sebastião Moura é gravíssimo e consta ter havido perda de massa encefálica.

Júlio César Almeida e Roger Cardoso foram presos, o primeiro próximo da Igreja Santo Antonio e o segundo na Sampaio Vidal. Roger tem passagem pela polícia por tráfico de drogas e tinha saído recentemente da cadeia. Um dia antes do assalto os bandidos estiveram na Orly, em frente a joalheria, para estudar o local e tentar retirar uma câmera instalada em frente a panificadora. As imagens estão em poder da polícia.

A polícia suspeitava da existência de mais dois envolvidos. Esta manhã a cidade amanheceu com viaturas e policiais por toda a cidade.