terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Joaquim Barbosa pede que MP investigue Lula

Joaquim Barbosa, presidente do STF
Joaquim Barbosa, Presidente do STF e relator do processo do mensalão, defendeu hoje que o Ministério Público Federal investigue o envolvimento do ex-presidente Lula com o esquema operado pelo empresário Marcos Valério. Sem dar detalhes do conteúdo, Barbosa disse que teve "conhecimento oficioso" (fora dos autos) do novo depoimento prestado por Valério ao Ministério Público Federal, em setembro, após ter sido condenado a mais de 40 anos de prisão pelos crimes do mensalão.
Valério também contou que foi ameaçado de morte por Paulo Okamoto, a mando de Lula e que a Portugal Telecom depositou 7 milhões para o PT, além do caso Celso Daniel morto em 2002.

Valério afirmou à Procuradoria-Geral da República que pagou despesas pessoais de Lula em 2003, por meio de depósitos na conta de uma empresa do ex-assessor pessoal de Lula, Freud Godoy, segundo revelou o jornal "O Estado de S. Paulo".